A PACIÊNCIA PERANTE A DOENÇA

É comum em sociedades onde carecem os valores morais do Alcorão, as pessoas agirem de acordo com as circunstâncias que enfrentam. Têm bom humor quando a vida lhes sorri, mas  mudam completamente quando esse conforto desaparece . Falta-lhes paciência ante esta adversidade. Esta atitude reflecte-se claramente perante uma doença.

“A bondade não está em voltardes as faces para o Levante e para o Poente; mas a bondade é a de quem crê em Allah, e no Derradeiro Dia, e nos anjos, e no Livro, e nos profetas; e a de quem concede a riqueza, embora a ela apegado, aos parentes, e aos órfãos, e aos necessitados, e ao filho do caminho, e aos mendigos, e aos escravos; e a de quem cumpre a oração e concede az-zakat; e a dos que são perseverantes na adversidade e no infortúnio e em tempo de guerra. Esses são os que são verídicos e esses são os piedosos.  (Surat Al baqarah, 177)

Quando se passa por este tipo de problemas (a doença ou o que possa ser), a verdadeira fé em Deus faz com que a pessoa que seja firme e paciente. O Profeta Ibraim (a.s.) 1 expressa esta verdade e afirma “E, quando adoeço, é Ele Quem me cura" (Surat Ach-Chuara, 80).

Os crentes, assim como o Profeta Ibrahim (a.s.) sabem que Allah criou tanto a cura com a doença , e por isso eles não se desesperam perante tal magnitude, mas dão graças a seu Senhor pelos anos em que foram saudáveis. Este pensamento permite-lhes agradecer a Allah, mesmo estando doentes.

Eles continuam a ser gratos e permanecem firmes diante de uma fatalidade ou de uma doença. Eles esperam que, uma vez no Paraíso, Allah os agracie com uma forma tal que não possam ser comparados com um corpo humano. Eles esperam essa compensação pela paciência demonstrada na hora de enfrentar as dificuldades. Por esta razão, eles sabem que tudo o que eles haveram sofrido na vida, os idolatrará mediante a recompensa de Allah.

Aqueles que não têm fé devido ao apego que têm a este mundo não podem ser paciente e por isso entram no desespero e na dor. Por exemplo, algumas pessoas que têm  deformidades preferem morrer a viver nesse corpo e, às vezes tentam-se suicidar. Ao pensar que esta é a única vida que têm, julgam que viver com estes defeitos e deficiências os torna desprovidos de sentido. Se não se suicidam, eles desenvolvem uma personalidade desagradável e tentam criar problemas para os outros. Tanto o aceitam como o negam, não há nenhuma maneira de evitar esta situação. No entanto, se eles acreditam em Allah, eles têm a certeza que eles irão renascer no paraíso, com um corpo perfeito e forte que não possa ser danificado. Mas se eles não acreditam em Allah, sua vida presente e futura será destruída por causa de sua ignorância. Isto levá-los-á para o inferno.

O comportamento de quem vive sob a moral do Alcorão é muito diferente. Quando eles estão lastimados, perdem um órgão ou sofrem um desastre, vivem como se nada de mal lhes tivesse  acontecido. Porque eles sabem que tudo é um teste e o resultado será positivo, eles esperam, pacientes, e fazem o melhor possível para serem aprovados por Allah. Aqueles que não podem realizar esforço físico desenvolvem idéias que servem como lembretes do Paraíso.

Aqueles que se afastam de Allah quando adoecem ou se lesionam, não se apercebem do erro grave que cometem, pois Ele é o único que os pode curar. Somente com a permissão de Allah, os médicos e os medicamentos resultam para os pacientes. Tendo entendido isso, só nos resta ter paciência e orar. Ele fará o melhor possível através dos cuidados médicos, caso assim tenha de ser.

O Alcorão cita o exemplo do Profeta Ayyub(Jó )(a.s.), que sempre buscou refúgio em Allah quando ele estava doente. Allah elogiou-o e disse: "...Por certo, encontramo-lo perserverante. Que excelente servo! Por certo, ele era devotado a Allah.(Surat Sad, 44).

E Jó, quando chamou a seu Senhor:O mal tocou-me, e Tu és O mais Misericordiador dos misericordiadores!Então atendemo-lo e removemo-lhe o que tinha de mal. E concedemo-lhe, em restituição, sua família e, com ela, outra igual, por misericórdia de Nossa parte e por lembrança para os adoradores.(Surat Al l'anbia, 83-84)

A moral suprema que mostrou o Profeta Jó (a.s.) ao passar por esta situação, reflete-se claramente na sua oração a Allah. Quando ele estava doente e com problemas, confiou em Allah com firmeza e paciência, sabendo que sua salvação dependia apenas da misericórdia e compaixão d’Ele.

Como podemos ver neste e em outros casos, Allah ajuda os que são pacientes. O versículo seguinte assim o diz:

...E pacientai. Por certo, Allah é com os perseverantes.(Surat Al-Anfal, 46)


1.Alayhi Salam (paz esteja com Ele)

 


2010-11-30 13:59:37

About this site | fazer sua pagina inicial | Add to favorites | RSS Feed
todos os materiais publicados sobre este site internet podem ser copiados,imprimidos e distribuidos sempre abordando o site como referencia
(c) All publication rights of the personal photos of Mr. Adnan Oktar that are present in our website and in all other Harun Yahya works belong to Global Publication Ltd. Co. They cannot be used or published without prior consent even if used partially.
www.harunyahya.com Harun yahya @1994.Todos direitos reservados.Nossos materiais podem ser copiados,imprimidos e distribuidos colocando o site como referencia
page_top